Conheça algumas expressões do dialeto soteropolitano e se divirta com os significados

Que Salvador é uma das cidades históricas mais importantes e encantadoras do Brasil todo mundo já sabe. Você sabia que, além de ser a primeira capital do Brasil,  ela tem a maior população negra fora do continente africano? 

Com quase 500 anos de fundação e muita história pra contar, a Cidade da Bahia abriga um povo conhecido pela irreverência, bom humor, criatividade e suas famosas festividades ao longo de todo o ano.

A marca do povo baiano pode ser percebida na culinária, na dança, nas festas de largo, na religiosidade, no carnaval e no espírito hospitaleiro e receptivo com seus visitantes. Mas, você que já foi à Bahia e você que ainda não foi, já ouviu falar do baianês? Pois é, o baiano é conhecido por seu modo de ser inconfundível, irreverente e carismático. E o que dizer do seu jeito de falar, seu dialeto tão peculiar? 

Da próxima vez que visitar essas terras cheias de belezas naturais, de gente simpática e hospitaleira, não deixe de reparar no curioso vocabulário soteropolitano. E pra não passar batido, aí vão alguns exemplos para te ajudar a entrar no clima do espírito baiano.

bo.rim.bo.ra Expressão. Utilizada como convite a deixar o presente local. Pode ser
substituído por "Vamos embora", mas a norma culta baiana permite abreviar duas ou
mais palavras em uma só. Ex. Borimbora daqui, gente!

si.bu.li.no Expressão. Estado de espírito de quem está animado (a) ou agoniado (a) para
algum evento. É a junção de "se" e do verbo "bulir". Ex. Você hoje tá todo sibulino!
pe.ra.in.da Expressão Pedido para alguém esperar. É usada para substituir "Espere aí".
Ex.: Perainda que já tô chegando, mainha!

ói Indefinido Possui diversos significados, podendo ser usado em situações como: 1 -
Substituição de palavrões. Ex.: Vá pra casa da ói. 2- Em substituição da palavra "olhe".
Ex.: Ói aquele prédio ali! 3- Apenas uma interjeição (exprime uma emoção, uma
emoção, uma ordem, um apelo ou descreve um ruído. Ex.: Ói.

duz.tem.po Expressão Denota passagem do tempo em diversos contextos, podendo
significar, anos, meses ou até mesmo minutos. Ex.: Duztempo que te espero, coisinha!

ni.u.ma Expressão Pode ter um tom amigável ou irônico. No primeiro caso significa
"tudo bem". Ex.: É niuma fazer esse favor pra mim? No segundo, pode ser ponto final
de uma discussão, em tom de ironia. Ex.: Não vai comigo no régui amanhã? Niuma.

E aí, gostou? Então não perca mais tempo e venha conhecer as belezas, sabores, sotaques, sons e cores que só a “Baheea” tem. E você que já conhece, venha matar as saudades da terrinha. E se não entender alguma coisa na conversa, se avexe não, pergunta pra gente e responderemos direitinho pra você! Veja mais sobre baianês na página da Prefeitura de Salvador no Facebook.